domingo, 4 de outubro de 2015

Duas "sementes" para semear e colher dias felizes


Duas sementes para semear e colher dias felizes
1.Calma, o tempo é um líquido que escorre lentamente, gota a gota...
O tempo é o eixo central da vida e tudo gira à sua volta numa ação ininterrupta, sem fim. Ele é o senhor das mutações, nascenças, perecimentos. Invisível, veloz, inestancável... A ave mais veloz não voa mais rápido que o vento; e o vento mais veloz é um leve sopro na boca do tempo... Eis, portanto, a verdade inquestionável: não há, no mundo, relógio nenhum cujos ponteiros girem tão veloz quanto o giro do tempo.
Por conseguinte, a receita é uma só: calma. Calma porque seu deslocamento físico no espaço é limitado. E mais, correr nos trilhos da pressa é ser atropelado pela locomotiva da imperfeição. Considere, pois, que o universo cósmico não irá alterar seu ritmo só porque você está apressado.
O dia e a noite, embora irmãos astrais, jamais veem um ao outro. Cada qual surge e desaparece a seu tempo. É assim a sequência lógica das coisas, uma espiral evolutiva, para frente. A consecução dos fatos é ordenada numa cronologia tal que nada acontece na véspera. Por isso, calma, programe-se e aja. Reserve um tempo para cada coisa, para cada coisa um tempo. Evite fazer isso e aquilo numa fração de minuto, num único movimento, numa só “tacada”. Faça por etapas, com projeto prévio e dimensionamento de tempo. Ao final você será brindado com algo bem feito e no tempo aprazado. 
Ah! O tempo! Aproveite-o enquanto borbulha na taça da juventude. Beba-o em goles calmos, gota a gota, ele é um néctar saboroso. Depois que o cântaro esvazia nada mais resta, senão vivas lembranças do dúlcido sabor do tempo perdido...
Quer sugestão melhor para saciar sua vida de dias felizes?
A impaciência é o êmbolo propulsor do erro. Um dia longo, onde você “curte” cada segundo prazerosamente, resulta de ações acertadas – calmas, pacientes e tranquilas.
         >> 


2.Brigas? Afaste-se delas. Paz, abrace essa ideia!
Há pessoas que diante de qualquer insatisfação destila gotas de ódio por todos os lados. Irascível, traz a mente inquieta, a boca cheia de insídias, as mãos hostis. Por qualquer contrariedade engendra armações, ergue a voz, os braços para a briga. Sua paciência é impaciente, seu controle incontrolável...
Atenção, não se permita levar por um bolhão de ira repentino. Se pressentir que vai se enervar controle-se. E se estiver diante de alguém nervoso afaste-se!
Cada um de nós, embora sob o teto do mesmo dia, carrega seu fardo de problemas, cada qual com um volume, largueza, peso...  Entretanto, uns e outros, “pavio curto”, perdem o controle feito um trem que descarrila, joga a culpa no mundo e a reação vem em forma de agressividade.
Evite pessoas nesse estágio. Evite o confronto. E se acaso se aventurar e entrar em brigas, conheça bem seus pontos fortes: gavião que ataca serpente sabe as garras que tem. Tema, sempre, os revezes, pois brigas todos sabem como começam, mas ninguém sabe como terminam. E o bom senso diz que não se deve querer saber.
Levar ou não vantagens num confronto é um risco que ninguém deve correr. Por menor que seja traz prejuízos colossais, sejam moral, penal, físico ou financeiro. Precavenha-se, não cometa desatinos. Quantas cicatrizes são abertas e ficam acesas, às vezes para sempre, cortadas pela adaga da violência.
Fale o idioma da paz!
Pratique o gesto da paz!
Insatisfação? Nervosismo Ódio? Apascente-se. Inspire o ar da tranquilidade e não estrague o seu dia. Diante de qualquer confrontamento fale o idioma da paz e esteja, sempre, cercado de amigos numa convivência feliz.
Brigas não resolvem problemas, agrava-os ainda mais. Portanto, evite-as. Não dispute com os músculos suas diferenças, e sim com os gestos da paz. Com isso você melhora seu dia, preserva seu bolso e seu estado físico...
Prof. Inácio Dantas
Do livro ebook “Semeando Dias Felizes” – www.amazon.com.br


Um comentário:

Vanchellidam Pérpetua disse...

Estamos todos realmente precisando falar esse idioma da paz, Obrigado po nos lembrar disso.
A vida ensina
http://vanchellidam.blogspot.com.br/